segunda-feira, 23 de maio de 2011

NOVA PSICOLOGIA: DESAFIANDO A MENTE (mt interessante!)


(Instituto da Inteligência )

Pois é. Tudo mudou (ou está a mudar) e a própria psicologia começa a não ser mais o que era.
Pelo menos em teoria pois, na prática, as mudanças são mais lentas e há muitas "escolas" (abordagens) sendo que algumas são mais conservadoras do que outras como, de resto, acontece com as restantes disciplinas da vida.

Sob o atual paradigma holístico (isto é, na perspetiva de que o mundo e a vida são um todo da qual tudo faz parte, tudo está integrado e tudo se processa em interdependência e inter-relação), a psicologia (a disciplina que trata das coisas da mente) tem de ser revista pois a psique não mais se pode apresentar como algo inseparável do corpo, do ambiente, da cultura, do lugar, da época e de muitos outros elementos e processos).

Como o nosso corpo/organismo é o resultado da atividade de vários sistemas interligados e interdependentes, convem perceber que a ideia de separação corpo-mente está visivelmente ultrapassada.

O nosso organismo não pode ser visto como independente das faculdades e processos mentais nem estas separadas do organismo. Tudo é energia e informação, ou seja, diferentes formas de energia e diferentes conteúdos de informação.

Matéria, vida e psique são, elas próprias, energias subtis que se manifestam de modo próprio.
Servem-se de sistemas em atividade e mutação constante. Podemos dizer que são acontecimentos transitórios em que PROGRAMAÇÃO, INFORMAÇÃO, CONSCIÊNCIA e CONHECIMENTO se apresentam como seus principais constituintes.

Os eventos mentais - de que se ocupa a Psicologia - não estão isolados nem do resto do organismo nem do resto do mundo.
A mente humana (à escala individual) não tem fronteiras e não está aprisionada no crânio. Ela faz parte do que hoje é conhecido como "consciência cósmica" (já referido por William James há muitos anos).


Principais aspectos da nova Psicologia:

- mente/organismo são inseparáveis (por isso todas as doenças são psicossomáticas e/ou somatopsíquicas, isto é, estão relacionadas: corpo>>mente e/ou mente>>corpo); não há separação;

- tudo é subjetivo;

- a mente é feita (processa-se) de acontecimentos (eventos);

- a mente individual - que se exprime através da linguagem, dos comportamentos, etc. - está ligada às outras mentes individuais;

- existem diferentes estados de consciência (e a realidade objetiva em que nos sentimos viver é função do estado de consciência em que nos encontramos);

- a psicologia não se confina às três dimensões do espaço/tempo;

- a mente (ou os eventos mentais) vive num campo de múltiplas possibilidades (quase infinitas);

- toda a nossa evolução pessoal não está confinada ao intelecto e ao emocional mas também ao instintivo, ao intuitivo, ao transpessoal e ao parapsicológico (fatores PSI e subfatores PES e PK de Rhine);

- possibilidade de vivências de realidades extra-sensoriais que explicam determinados acontecimentos até agora tidos como "milagres" (não há milagres mas transformações que resultam do campo aberto e ilimitado em que a mente atua);

- abertura da medicina corpo-mente a terapias não convencionais como a psicossíntese, a bioenergética, as terapias de transe, a hipnoterapia, a filosofia clínica, a terapia transpessoal, a síntese transacional, o yoga, o tai-chi, etc.);

- estudos sobre a cosmopsicologia (antiga astrologia) tornam-se cada vez mais aceites pela ciência do novo paradigma holístico como um campo de pesquisa a considerar.

Tudo isto reflete algo mais importante e revolucionário que se está a verificar para bem de nós todos:
a ciência vive, finalmente, um mudança de paradigma, isto é, uma mudança dos princípios e axiomas básicos que a tem sustentado.

Hoje, os médicos (e os psicólogos) devem orientar-se pelo princípio de que é mais fácil prevenir do que curar e também pela máxima de que, mais importante do que a doença, é o doente (por isso, é o doente como um todo que deve ser tratado e não apenas a sua doença, pois esta está relacionada até com a sua personalidade e muitos outros fatores pessoais, ambientais, estilo de vida, visão do mundo, etc.).


NELSON S LIMA (investigador da EURADEC www.euradec.eu e membro da British Society of Clinical and Academic Hypnosis www.bscah.com). Fundador do Instituto da Inteligência.

Palestrante.

2 comentários:

canalrsm disse...

Olá! Sou eu de volta!(O Dragão Dourado)
Só passando pra deixar um oi!

É verdade essa questão que tudo é integrado. Quando não temos muito discernimento, interpretamos errado a situação e nossos pulmões coração doem com o passar do tempo... A nossa respiração fica superficial...

Um grande abraço...

Isabel Perry disse...

Olá dragão Dourado, seja sempre bem vindo!
Um abraço,
Isabel